Portugal é considerado um dos países mais pacíficos do mundo. De acordo com o Global Peace Index (GPI) aparece classificado em 3º lugar, logo atrás da Islândia e Nova Zelândia, enquanto que o Brasil ocupa a posição número 116. 

Mas isso quer dizer que não existe criminalidade em Portugal?

A criminalidade em Portugal existe, mas com muito menor incidência, em comparação com o Brasil. Outra das diferenças reside no facto de a maioria dos crimes praticados em Portugal serem não violentos, sendo que as forças policiais e de segurança trabalham exaustivamente para prevenir estes casos de acontecerem.

Mas quais são os níveis exatos de criminalidade no país? Vamos conferir.

Criminalidade

De acordo com o Relatório Anual de Segurança Interna, a taxa de criminalidade em Portugal desceu de 33,2% em 2017 para 32,4% em 2018, tendo-se mantido a tendência de descida. Neste relatório, a cidade que apresenta mais casos é Lisboa, sendo que os crimes mais praticados são:

  • Ofensa à integridade física voluntária simples: 28,6%; 
  • Violência doméstica contra cônjuge 27,6%;
  • Ameaça e coacção 17,8%.

A nível nacional, os crimes graves mais cometidos em Portugal são roubo na via pública, furto e resistência a uma figura de autoridade.

Violência contra as Mulheres

De acordo com o Relatório Anual do OMA , numa análise feita entre os anos 2004 e 2017, as cidades com maior incidência de violência contra mulheres são o Porto e Lisboa, contabilizando 200 dos 562 crimes praticados em todo o país. Ainda em 2017, 24 mulheres foram assassinadas em Portugal.

Ataques Terroristas

Fugindo à regra de alguns países da União Europeia, que sofrem ameaças de ataques terroristas com frequência, Portugal é um dos poucos países que ainda não foi afetado por este fenómeno.

Crimes contra Turistas

Com Porto e Lisboa a receberem menções como melhores destinos turísticos Europeus, as cidades viram o seu número de turistas a aumentar, o que levou também a um aumento no número de crimes praticados contra turistas. Furto de pequenos objetos é o crime mais comumente sofrido por aqueles que escolhem visitar Portugal nas suas férias.

Sensação de Segurança no dia-a-dia em Portugal

Se está a pensar mudar-se para terras lusitanas, fique sabendo que raramente irá sentir medo ou presenciar um ato de violência. Apesar da presença policial no país não ser muito notória, o sistema judicial funciona muito bem e é bastante respeitado pelos residentes.

Sair durante a noite em Portugal é também muito seguro e algo muito praticado pelos portugueses, principalmente durante o Verão, tanto em grandes cidades como nas vilas e aldeias mais isoladas.

Conclusão: é seguro viver em Portugal

A resposta a esta pergunta pode ser facilmente respondida: sim, viver em Portugal é muito seguro! Apesar de alguma criminalidade ocasional, as preocupações com a segurança no país serão diminutas, havendo pouca sensação de medo, baixa ocorrência de violência e pouca percepção de presença policial.

×

Olá!

Como podemos ajudar?

Fale conosco no WhatsApp ou envie-nos um email para  info@asapcidadaniaportuguesa.com

Obrigado!

× Olá! Como podemos ajudar?